24 de junho de 2010

Atobá Marrom na Praia do Pontal

Várias espécies de aves já apareceram pelos Postos do Salva Mar - na maioria das vezes machucadas - e dessa vez resolvemos pedir ajuda à Coordenadora do Projeto Abatroz, Tatina Neves para sabermos mais a respeito da espécie. Confira o texto abaixo:
Praia do Pontal. Data: 13/06/2010

Tatiana Neves (www.projetoalbatroz.org.br)
"A ave da foto é um Atobá Marrom. O nome da espécie é Sula leucogaster. É uma das aves marinhas mais simpáticas, sendo comum na costa brasileira, principalmente nas regiões dos trópicos. Se reproduz em ilhas costeiras na região sul e sudeste do Brasil e em toda a faixa tropical do planeta (é uma espécie pantropical!). O diferencial dessa ave e que ela é muita adaptada à vida marinha. Ela se joga de grandes alturas, se precipitado contra o mar para capturar os peixes dos quais se alimenta. Para isso tem o bico em formato hidrodinâmico, e as penas formam uma ‘bolsa’ de ar para amortecer o impacto. Fora isso, se você reparar, essa ave não tem narinas. Na verdade tem, mas as aberturas são na parte interna do bico, que é para evitar a entrada de águas nos ductos respiratórios durante o mergulho. Consequência disso é que se a pessoa que está manipulando segurar a ave pelo bico, ela fica sufocada, sem conseguir respirar. Deve-se segurar por traz da cabeça, com força necessária para ela não virar na tentativa de dar uma bicada sem contudo machucar o animal. O bico é muito afiado e serrilhado. Uma bicada de Atobá causa bom estrago. Cuidado especial com os olhos da pessoa que está manipulando a ave. E cuidado também com as patas. As aves marinhas, como não andam ‘no chão’ não gastam as unhas que são por isso muito afiadas.
O exemplar da foto é um macho adulto. Sabemos porque o macho tem uma mancha roxa em volta dos olhos, enquanto a fêmea tem a mesma membrana amarelada com apenas uma manchinha azulada parecendo uma lágrima."

Valeu Tatiana! Parabéns mais uma vez e obrigada pelas informações!

Abraço a todos do Projeto Albatroz.

4 comentários:

  1. Caro amigo, gostei muito de ficar sabendo sobre o Atobá Marrom. Uma belíssima ave, com certeza. Parabéns pela postagem. Abraços. Roniel.

    ResponderExcluir
  2. Valeu Roniel!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Gostei de conhecer essa ave marinha.
    É de uma beleza singular. Bem diferente de outras aves.
    Parabéns pela postagem.
    Carinhoso e fraterno abraço,
    Lilian

    ResponderExcluir
  4. Nada sabia sobre o Atobá Marrom. Achei interessantísmo.

    Aqui, beira de rio, temos os Mergulhões e estes, muito me fascinam.

    Gostei do post. Informa, esclerece e apaixona.

    Parabéns,

    ResponderExcluir